REQUISITOS:
Preencher a ficha de inscrição on-line, disponível no endereço eletrônico do CESPE/UnB;
b) Pagar a taxa de inscrição.
Ao realizar sua inscrição no concurso, o candidato deverá conhecer o edital e certificar-se de que, caso aprovado, preencherá todos os requisitos exigidos com vistas à posse no cargo:
a) Ter sido aprovado no concurso;
b) Ser brasileiro nato, conforme o artigo 12, § 3º, inciso V, da Constituição Federal;
c) Estar no gozo dos direitos políticos;
d) Estar em dia com as obrigações do Serviço Militar, para os candidatos do sexo masculino
e) Estar em dia com as obrigações eleitorais;
f) Apresentar diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior, emitido por instituição de ensino credenciada pelo Ministério da Educação (MEC). No caso de candidatos cuja graduação tenha sido realizada em instituição estrangeira, caberá exclusivamente ao candidato a responsabilidade de apresentar, até a data da posse, a revalidação do diploma exigida pelo MEC, nos termos do artigo 48 da Lei nº 9.394/1996 – Lei de Diretrizes e Bases da Educação;
g) Haver completado a idade mínima de 18 anos;
h) Apresentar aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo, verificada por meio de exames pré-admissionais, nos termos do artigo 14, parágrafo único, da Lei nº 8.112/1990.

ATRIBUIÇÕES
O diplomata é o profissional que trata da diplomacia entre os países, ou seja, ele representa o seu país diante de outros governos. A função principal desse profissional é informar, negociar e representar. O diplomata é responsável por acompanhar o rumo das discussões ou negociações internacionais e conduzir as relações exteriores de um país, Estado ou sujeito de direito internacional. O profissional é preparado para tratar dos mais variados temas, como por exemplo, paz, segurança, normas de comércio e relações econômicas e financeiras, direitos humanos, meio ambiente, tráfico de rogas, fluxos migratórios, estabelecimento de relações amigáveis entre Estados e de cooperação entre os parceiros externos, entre outros. As relações diplomáticas estão definidas no plano internacional pela Convenção de Viena sobre Relações Diplomáticas de 1961 (CVRD). 
O papel do Itamaraty no cenário internacional é: colher as informações necessárias à formulação e execução da política exterior de Brasil executar as diretrizes de política externa estabelecidas pelo Presidente da República representar o governo em discussões ou negociações internacionais negociar e celebrar tratados, acordos e demais atos internacionais organizar, instruir e participar de missões especiais em conferências e reuniões internacionais proteger os interesses de cidadãos brasileiros no exterior promover os produtos e serviços brasileiros no exterior tratar da PROMOÇÃO cultural do Brasil no exterior